Take a fresh look at your lifestyle.

Dona Neuma recebe a jornalista Marisa Batalha no programa Mulheres que Lutam

Uma das mais brilhantes jornalistas de Mato Grosso fala sobre sua trajetória e as lutas femininas para conquistar em todos os espaços da sociedade

Para obter mais conteúdos siga o Agora Notícia MT no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

O programa “Mulheres que Lutam”, comandado por Dona Neuma em seu
canal no Youtube, recebeu esta semana a jornalista Marisa Batalha, uma
das mais competentes profissionais da área em Mato Grosso. Com mais de
30 anos de carreira, Marisa Batalha conversou com dona Neuma sobre sua
trajetória no jornalismo e sobre as lutas que travau para conquistar seu
espaço e respeito dentro da profissão.

O objetivo do “Mulheres que Lutam” é ouvir as história das mulheres
combativas, que sempre tiveram suas vozes e lutas silenciadas. Na pauta
destes encontros com dona Neuma, estão sempre presentes temas como
política, feminismo, empoderamento das mulheres e seu papel no processo
de transformação da sociedade.

O programa “Mulheres que Lutam” tem sido um canal importante de voz e
espaço de destaque para as histórias de mulheres que vem exercendo
influência e contribuindo para a conscientização das mulheres sobre seus
direitos, seu lugar de fala e espaços para o exercício da sua cidadania, da
sua autonomia e liberdade de expressão.

Neste terceiro episódio, dona Neuma e Marisa Batalha conversaram sobre a
luta pela paridade e da importância da mulher nos espaços de decisão, nos
locais de trabalho, na família e na vida pública. Como mulheres fortes e
batalhadoras, dona Neuma e Marisa Batalha defenderam maior união das
mulheres no combate ao patriarcalismo estrutural que as manteve até agora
em segundo plano em todos os aspectos da vida em sociedade. (Com Assessoria)

A íntegra do programa pode ser assistida no link:
https://www.youtube.com/watch?v=AXTNyXH4awM

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Saiba Mais