Take a fresh look at your lifestyle.

SMS alerta para prevenção contra raiva humana após morte de cachorro em Cuiabá

Dono do animal precisa comparecer ao HMC com urgência

Para obter mais conteúdos siga o Agora Notícia MT no Google News. Quer se avisado de graça sobre os melhores conteúdos em primeira mão? Receba Nossas Notificações Aqui!

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do setor de Vigilância em Saúde, adverte para a necessidade de prevenção contra a raiva humana. A pasta está em alerta devido à morte de um cachorro, que foi diagnosticado positivo para a raiva.

Segundo a gestora do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde, Moema Blatt, o animal foi encontrado no pátio externo na unidade de Vigilância de Zoonoses – UVZ no dia 27 de abril. Ele foi acolhido e foi a óbito em 4 de maio. O laudo laboratorial, que ficou pronto no dia 14 de junho, indicou teste positivo para raiva. “A pessoa que deixou o animal, bem como outras que tiveram contato com ele podem ter sido contaminadas pelo vírus da raiva”, alertou.

A Vigilância em Saúde orienta que a pessoa que teve contato com o animal compareça com a máxima urgência a Vigilância Epidemiológica do Hospital Municipal de Cuiabá – HMC, para que seja avaliada e orientada.

“Precisamos que o dono do animal e outras pessoas que tiveram contato com o cachorro nos meses de março e abril deste ano compareçam a Vigilância Epidemiológica do HMC o quanto antes para receber o soro antirrábico. Nosso chamamento é urgente, pois as pessoas podem ter sido infectadas e é imprescindível que elas recebam o soro o mais rápido possível, para evitar que a doença se manifeste”, alertou Moema.

Raiva Humana

A raiva humana, também chamada de hidrofobia, é uma doença viral que compromete o sistema nervoso central (SNC) e pode levar o portador à morte, em 5 a 7 dias após a manifestação dos sintomas.

 

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Saiba Mais